Acessibilidade

Engenharia Civil

Trabalho Final de Mestrado

O Trabalho Final de Mestrado consiste na elaboração de uma Dissertação, de um Projecto ou na realização de um Estágio Profissional, de acordo com o estabelecido no plano de estudos do curso de MEC e com as demais directivas da CCMEC.

Em qualquer um destes três casos, do trabalho realizado deverá resultar um documento original e integralmente elaborado pelo aluno.

Este documento deverá possuir elevada qualidade técnico-científica, ser editado com rigor e traduzir conhecimentos, aplicações, desenvolvimentos, análises ou investigação relevantes e actuais.

  • Provas Públicas

    Aluno(a): Nuno Gonçalo Guerreiro Bastos Leitão

    Título do TFM: Modernização da Linha Leste - Troço Elvas (inclusive)/Fronteira - Faseamento Construtivo

    Data: 14 de fevereiro de 2019

    Hora: 16h30

    Local: Sala de Audiovisuais (Edifício A, Piso 1)

     

    Aluno(a): Bruno Miguel Nunes de Almeida Lopes

    Título do TFM: Modernização da Linha do Minho - Troço Nine/Viana do Castelo, incluindo Estações Técnicas

    Data: 14 de fevereiro de 2019

    Hora: 14h30

    Local: Sala de Audiovisuais (Edifício A, Piso 1)

     

    Aluno(a): João Miguel Alves Palma Serrano

    Título do TFM: Metodologia BIM aplicada a Gestão de Activos

    Data: 12 de Fevereiro de 2019

    Hora: 10h00

    Local: Sala de Audiovisuais (Edifício A, Piso 1)

     

    Aluno(a): Rafael Fonseca de Jesus Pereira Guilherme

    Título do TFM: Dimensionamento de Estruturas de Madeira e Híbridas

    Data: 28 de janeiro de 2019

    Hora: 10h00

    Local: Sala de Audiovisuais (Edifício A, Piso 1)

     

    Aluno(a): Svetlana Marília Casimiro João

    Título do TFM: Execução da Duplicação da Ribeira da Falagueira

    Data: 23 de janeiro de 2019

    Hora: 15h00

    Local: Sala de Audiovisuais (Edifício A, Piso 1)

     

     

     

  • Orientação

    A realização do TFM é orientada por um doutor ou por um especialista de mérito reconhecido como tal pelo Conselho Técnico Científico.

    A orientação pode ser assegurada por dois orientadores, em regime de co-orientação, quer por personalidades nacionais, quer estrangeiras, sendo sempre pelo menos um deles afecto à ADEC.

     

     

  • Desenvolvimento

    A capa do trabalho de TFM deve incluir o nome do instituto e da área departamental, o título, o nome do candidato, a designação da especialidade do mestrado e da respectiva área de especialização e o ano de conclusão do trabalho (ver modelo no anexo do Regulamento Geral dos mestrados do ISEL).

    As páginas seguintes devem incluir: resumos em português e em inglês (até 500 palavras cada); palavras-chave em português e em inglês; e índices. O texto não deve exceder, em regra, exceder as 100 páginas, excluindo apêndices e anexos, com formatação com tipo Arial ou Times New Roman, entre 10 e 12, e espaçamento entre 1,5 e 2, ou formatação equivalente.

    Quando o Conselho Técnico Científico autorizar a apresentação da dissertação, do trabalho de projecto ou do relatório de estágio escrito em língua inglesa, este deve ser acompanhado de um resumo em português de, pelo menos, 1200 palavras.

    Quando tal se revele necessário, certas partes da dissertação, trabalho de projecto ou relatório de estágio, designadamente os anexos, podem ser apresentados exclusivamente em suporte informático.

    Para efeitos de depósito na Biblioteca do ISEL e na Área Departamental de Engenharia
    Civil, deve ser entregue UM exemplar impresso da versão definitiva do TFM e DOIS exemplares em suporte electrónico (CD) em formato PDF.

    Atenção:

    • o material entregue deve ser acompanhado deste formulário devidamente assinado pelo(s) orientador(es) do TFM.
    • os ficheiros gravados no CD devem ter pelo menos o conteúdo da versão papel do documento entregue (podem conter mais no caso da existência de anexos ao TFM apenas no formato eletrónico).
    • na superfície de cada disco deve ser impressa a mesma informação da capa da versão papel do TFM (o secretariado da CCMEC recusará liminarmente a receção de CDs que não cumpram este ponto).
    • os invólucros dos CDs devem ser entregues SEPARADOS do exemplar em papel do TFM".

     

  • Apresentação

    Nomeação do júri e entrega de versão provisória do TFM

    Recebido o TFM a CCMEC dispõe de trinta dias para propor o júri.

    O Conselho Técnico Científico (CTC) dispõe de trinta dias para se pronunciar sobre a proposta de júri apresentada pela CCMEC. O despacho de nomeação do júri deve ser comunicado, por escrito, ao candidato, no prazo de cinco dias, e afixado em local público.

    No prazo de cinco dias úteis, após recepção pelo candidato do despacho de nomeação do júri das provas, este deverá entregar nos serviços académicos, dirigido ao Presidente do CTC, os exemplares provisórios do TFM para distribuição pelos membros do júri.

    Avaliação da versão provisória do TFM

    Nos trinta dias subsequentes à recepção dos exemplares provisórios do TFM pelo júri, este profere um despacho liminar, no qual se declara aceite ou, em alternativa, se recomenda ao candidato para proceder à reformulação do TFM.

    Verificada a situação anterior, o candidato dispõe de um prazo de noventa dias, improrrogável, contados a partir da sua notificação, durante o qual pode proceder à reformulação do TFM, ou declara que o pretende manter tal como o entregou.

    Realização da prova pública

    Recebido o TFM reformulado, ou feita a declaração referida, procede-se à marcação das provas públicas de discussão. As provas devem ter lugar no prazo de sessenta dias a contar do despacho de aceitação ou da data da entrega da reformulação ou da declaração de que se prescinde desta.

    A discussão TFM terá a duração máxima de 90 minutos, incluindo-se neste período um máximo de 20 minutos para apresentação do trabalho pelo candidato. Ao candidato será proporcionado para sua defesa, pelo menos o mesmo tempo dos arguentes.

    A discussão pública do TFM só poderá ter lugar após a conclusão da parte escolar do mestrado.

  • Prazos da Prova

    O TFM é objecto de apreciação e discussão pública por um júri, nomeado pelo Conselho Técnico-Científico (CTC), por proposta da CCMEC.

     

    O júri é constituído por três membros, devendo um destes ser o orientador. Sempre que exista mais do que um orientador, apenas um integra o júri. A presidência do júri caberá ao coordenador da CCMEC, que poderá delegar num outro membro da CCMEC, ou num professor coordenador da ADEC.

    As deliberações do júri são tomadas por maioria dos membros que o constituem, através de votação nominal justificada, não sendo permitidas abstenções. Em caso de empate, o presidente do júri tem voto de qualidade.

    Das reuniões do júri são lavradas actas, das quais constam os votos de cada um dos seus membros e a respectiva fundamentação, que pode ser comum a todos ou a alguns membros do júri.

    As reuniões do júri anteriores aos actos públicos podem ser realizadas por teleconferência.

  • Júri

    Nota: As Propostas de Temas de TFM que tenham sido entregues e que não se encontrem presentemente referidas nos editais, encontram-se em apreciação pela Comissão Coordenadora de Mestrado, e serão oportunamente enviadas em edital para o Conselho Técnico-Científico para homologação e consequente publicação na página da ADEC. 

  • Aviso

    As Propostas de Temas de TFM que tenham sido entregues e que não se encontrem presentemente referidas nos editais, encontram-se em apreciação pela Comissão Coordenadora de Mestrado, e serão oportunamente enviadas em edital para o Conselho Técnico-Científico para homologação e consequente publicação na página da ADEC.