Acessibilidade

Corrosão e Tratamentos de Superfície - MEMan

Curso Mestrado em Engenharia de Manutenção
Unidade Curricular

Corrosão e Tratamento de Superfície

Obrigatória  x
Opcional  
Área Científica Engenharia Industrial e Manutenção
Ano: 1º Semestre: 1º ECTS: 6 Total de Horas: 162
Horas de Contacto T: TP: 45 PL: S: OT:
Docente

Maria Teresa Moura e Silva

T - Teórica; TP - Teórico-prática; PL - Prática Laboratorial; S - Seminário; OT - Orientação Tutorial.

  • Objectivos da unidade curricular e competências a desenvolver

    O ciclo de vida dos bens é fortemente influenciado pela sua resposta ao ambiente no qual devem operar. A compreensão do fenómeno da corrosão e o seu controle é então vital para a redução dos custos de manutenção e aumento do tempo de vida dos equipamentos. Nesta perspectiva nesta unidade curricular são apresentados os princípios fundamentais da corrosão, os principais modos de falha, bem como as estratégias mais utilizadas no combate à corrosão. São ainda focadas técnicas de monitorização da corrosão, de especial relevância no controle da corrosão durante a fase operacional dos equipamentos.

    Esta unidade curricular permitirá ao aluno:

    •Saber reconhecer as falhas de equipamentos por corrosão.

    •Desenvolver e implementar medidas preventivas que possibilitem maior tempo de vida e melhor desempenho dos bens nas condições de serviço.

    • Interpretar os dados obtidos através dos sistemas de monitorização da corrosão

  • Conteúdos Programáticos

    Introdução

    Definição da corrosão. Sua importância social e económica.

    Electroquímica da Corrosão

    Mecanismo da corrosão. Termodinâmica da Corrosão. Cinética da Corrosão

    Tipos de Corrosão

    Corrosão Uniforme. Corrosão localizada – por picadas, galvânica, intersticial, selectiva, intergranular, corrosão influenciada por factores mecânicos. Causas e medidas correctivas

    Protecção anti-corrosiva

    Princípios de protecção anti-corrosiva: Selecção de Materiais e Princípios de projecto com vista a evitar a corrosão. Técnicas de protecção: - Inibidores de corrosão; Protecção catódica e anódica; Revestimentos orgânicos; Revestimentos inorgânicos metálicos e não metálicos; Protecção conjugada.

    Monitorização da Corrosão

    Métodos de Inspecção. Exposição de Cupões. Métodos Electroquímicos – monitorização do potencial de corrosão; resistência de polarização; espectroscopia de impedância electroquímica (EIS).

  • Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objectivos da unidade curricular

    Sendo a corrosão apontada como uma das causas mais comuns para a falha dos bens, esta unidade curricular pretende, antes de mais, sensibilizar os alunos para o fenómeno da corrosão e para os seus custos: estes situam-se entre 3% e 5% do PNB de um país e aceita-se que uma parte considerável deles pode ser reduzida através de uma acção educativa. Neste contexto apresenta-se num primeiro capítulo os fundamentos da corrosão o que permitirá ao aluno compreender o fenómeno, permitindo-lhe actuar para o evitar. Para o conseguir são apresentados os principais meios disponíveis para o combate à corrosão bem como algumas técnicas de monitorização da corrosão que permitirão optimizar os programas de manutenção. Uma vez que os tipos de falhas por corrosão são específicos das condições operatórias, nomeadamente meio envolvente e solicitações mecânicas, são ainda transmitidas as várias formas de ataque corrosivo.

  • Metodologias de ensino (avaliação incluída)

    A leccionação será efectuada através de aulas de carácter teórico-prático. O aluno será introduzido a cada tema através de exposições de apresentação de cada tópico, seguidas de alguns exemplos práticos para consolidação dos conceitos que acabaram de ser leccionados.

    Nas aulas restantes proceder-se-á à resolução de exercícios onde os alunos aplicarão os conhecimentos adquiridos.

    Avaliação contínua: realização de dois testes parciais (50% peso).

    Avaliação sumativa: realização de um exame final.

  • Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objectivos da unidade curricular

    Na metodologia de ensino utilizada, para além da transmissão dos conceitos fundamentais através de métodos de leccionação tradicionais, dar-se-á ênfase à apresentação de casos práticos que possibilitem ao aluno tomar contacto com casos reais que conduziram à falha dos bens. Desta forma os conceitos transmitidos passam a ser concretos e os exemplos apresentados irão alertar o aluno para possíveis problemas que poderá vir a encontrar no exercício da vida profissional.

  • Bibliografia Principal
    • D. A. Jones, Principles and Prevention of Corrosion, Prentice-Hall 2ªEd., 1996.
    • Pierre R. Roberge, Handbook of Corrosion Engineering, McGraw-Hill, 2000.
    • R. Winston Revie, Uhlig's Corrosion Handbook, John Wiley & Sons, 2000