Acessibilidade
Evento
Prémios | Concursos | Eventos Externos

Prémios | Concursos | Eventos Externos

, 18 / Mai / 18 às 14:39
 
 

 

 

 

 

 

 

 

  • Concurso de Fotografia | Até 15 de junho

    A Secção Regional do Norte da OET vai levar a efeito um concurso de fotografia com âmbito nacional, subordinada aos temas: "Tema livre" e "Exercício da Profissão"
    e que tem como objetivo enaltecer o trabalho e o lazer no seu dia a dia, bem assim como estimular, divulgar a criatividade dos Engenheiros Técnicos, entusiastas da fotografia enquanto modo de expressão artística.
    Este concurso destina-se ainda aos estudantes dos cursos de engenharia ministrados em escolas de ensino superior que se encontrem registados na A3ES.
    Os prémios que serão atribuídos por cada tema são aliciantes e destinam-se, entre outros aspetos a motivar a participação do maior número de colegas e estudantes neste evento, mostrando à sociedade a capacidade criativa da nossa classe profissional.
    Para informações e inscrição clique aqui 
    O alinhamento de datas relacionadas com este concurso de fotografia é o seguinte:
    1. Entrega dos trabalhos a concurso - das 0:00 do 1 de março até às 24:00 do dia 15 de junho;
    2. Análise das fotos a concurso e classificação pelo júri - 2 a 27 de julho;
    3. Anúncio dos vencedores - até 3 de agosto;
    4. Entrega dos prémios e inauguração da exposição das melhores fotografias - dia 2 de setembro a partir das 18 horas.

  • Candidaturas até 18 de junho de 2018 | Concurso para Projetos Conjuntos de Investigação - Portugal-Eslováquia (2019-2020)

    Encontram-se abertas as candidaturas ao Concurso para Projetos Conjuntos de Investigação - Portugal-Eslováquia (2019-2020), no intuito de apoiar o intercâmbio de investigadores no âmbito de projetos comuns de investigação.

    Esta oportunidade de financiamento dirige-se à mobilidade de investigadores participantes nos projetos, nomeadamente, a despesas de viagem e estadia da equipa portuguesa na Eslováquia (o montante previsto para cada projeto será no valor de 2.300€/ano). A não inclusão de jovens investigadores na equipa tem caráter eliminatório, sendo dada prioridade a novos projetos e ou novas equipas e a equipas que não tiveram financiamento nos últimos concursos. Os dois organismos executores deste Acordo procederão à respetiva avaliação e seleção. Não serão consideradas as candidaturas que não forem apresentadas simultaneamente aos organismos executores dos dois países.

    As candidaturas terão de ser apresentadas simultaneamente aos organismos executores dos dois países, no caso de Portugal a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), e deverão ser submetidas online até às 17h do dia   18 de junho de 2018 através do site da FCT aqui onde estão também disponíveis o regulamento e as instruções detalhadas.

    Esclarecimentos adicionais podem ser solicitados através do seguinte endereço de correio eletrónico:  teresa.amaro@fct.pt

  • Candidaturas até 18 de junho de 2018 | Concurso para Projetos Conjuntos de Investigação Portugal - Hungria (2019-2020)

    Encontram-se abertas as candidaturas ao Concurso para «Projetos Conjuntos de Investigação Portugal - Hungria (2019-2020)», no intuito de apoiar o intercâmbio de investigadores no âmbito de projetos comuns de investigação, em todas as áreas científicas.

     

    Esta oportunidade de financiamento dirige-se à mobilidade de investigadores participantes nos projetos, nomeadamente, a despesas de viagem e estadia da equipa portuguesa na Hungria (o montante previsto para cada projeto será no valor de 2.000€/ano) e a despesas de viagem e estadia dos investigadores húngaros em Portugal. A não inclusão de jovens investigadores na equipa tem caráter eliminatório, sendo dada prioridade a novos projetos e ou novas equipas e a equipas que não tiveram financiamento nos últimos concursos. Os dois organismos executores deste Acordo procederão à respetiva avaliação e seleção. Não serão consideradas as candidaturas que não forem apresentadas simultaneamente aos organismos executores dos dois países.

     

    As candidaturas terão de ser apresentadas simultaneamente aos organismos executores dos dois países, no caso de Portugal a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), e deverão ser submetidas online até às 17h do dia  18 de junho de 2018 através do site da FCT em www.fct.pt/apoios/cooptrans/hungria/index.phtml.pt, onde estão também disponíveis o regulamento e as instruções detalhadas.

     

    Esclarecimentos adicionais podem ser solicitados através do seguinte endereço de correio eletrónico: anamargarida.santos@fct.pt 

  • Dias 27, 28 e 29 de junho | 3.ª Conferência Internacional da Sociedade Portuguesa para a Educação em Engenharia

    Os tópicos da Conferência incluem:

    O processo de ensino/aprendizagem e o perfil do docente de engenharia no ensino superior

    Liderança e gestão nas instituições de ensino superior

    Metodologias de ensino/aprendizagem e competências no ensino superior

    Monitorização e avaliação no ensino superior

    Cursos e currículos de engenharia

    Avaliação do processo de ensino/aprendizagem e a sua relação com a Sociedade.

    Estão já confirmadas as presenças de individualidades de relevo nas áreas de investigação, desenvolvimento e governança em educação em (e para) a engenharia, nomeadamente:

    Carl Wieman, Universidade de Stanford (EUA), Prémio Nobel da Física 2001, via vídeo-conferência (Q&A e discussão em tempo real);

    Eduardo Marçal Grilo, ex-Ministro da Educação de Portugal, Presidente do Conselho Geral da Universidade de Aveiro;

    Jennifer Case, Head of the Department of Engineering Education, Virginia Tech (EUA);

    Rovani Sigamoney, Assistant Programme Specialist, UNESCO Engineering Initiative (SC/UEI);

    Dirk Van Damme, Division Head - Innovation and Measuring Progress (IMEP), OECD;

    Georgi Dimitrov, Deputy Head of Unit for Innovation and EIT, Directorate General Education and Culture, European Commission;

    Pedro Meda Magalhães, Committee Label EUR-ACE member, European Network for Accreditation of Engineering Education (ENAEE);

    José Sanchez-Gomez, AIRBUS Operations Spain;

    Luís Reis, CCCO da Sonae SGPS e Chairman da Porto Business School.

    Esta conferência terá um formato inovador, juntando à apresentação de artigos um fórum para discussão, troca de ideias e idealização do futuro da educação em engenharia, convidando ao debate todos os stakeholders desse processo.

    A sua presença e participação será assim essencial para o seu sucesso e para a qualidade da discussão!

    Considere ainda a possibilidade de submeter o(s) seus(s) trabalho(s) (em inglês) para apresentação na Conferência, e pedimos-lhe também que dissemine este evento através dos seus contactos. Os artigos serão disseminados através do IEEE Conference Publications, ficando disponíveis por meio do serviço IEEE Xplore Digital Library. Pode encontrar informação complementar (e em constante atualização) aqui.

  • De 29 de junho a 31 de julho | SAP Career Start

    Trata-se claramente de uma oportunidade única para jovens recém-licenciados ou profissionais em transição de carreira que se queiram iniciar no mundo SAP e na indústria da consultoria.

    A quarta edição decorre entre o dia 29 de junho e 31 de julho, em horário laboral no Porto.

    Saliento que nesta edição existem 4 lugares “early bird” com uma redução significativa para quem se inscrever primeiro.

    Mais informações e inscrições aqui 



  • Concurso Científico AP2H2 - Prémio Toste de Azevedo 2018

    No intuito de homenagear o Prof. Toste de Azevedo (1963-2014), percursor em Portugal da investigação na área das tecnologias e economia do Hidrogénio, encontram-se abertas as candidaturas ao «Concurso Científico AP2H2 - Prémio Toste de Azevedo 2018», que distinguirá o melhor trabalho apresentado com o valor de 5.000,00€.

    Criado no âmbito do Projecto H2SE - Hidrogénio e Sustentabilidade Energética, com o apoio do SIAC, este visa distinguir os melhores trabalhos académicos e de investigação desenvolvidos no âmbito de sistemas ou tecnologias relacionadas com a sustentabilidade energética, focados no Hidrogénio como vector energético, realizados em instituições do Sistema Técnico e Científico Nacional. O concurso é dirigido aos docentes e investigadores da Comunidade Técnica e Científica Nacional com trabalhos publicados nos temas referidos no ponto anterior nos últimos cinco anos, bem como aos mestrandos e doutorandos do sistema de ensino superior (institutos politécnicos e universidades) inscritos nas respetivas instituições no presente ano letivo. Os Trabalhos a apresentar deverão enquadrar-se em pelo menos um dos seguintes tópicos:

    Produção de Hidrogénio Renovável;

    Pilhas de Combustível;

    Hidrogénio como Combustível Alternativo aos Combustíveis Fósseis;

    Cidades Verdes e o Hidrogénio;

    Aplicações das tecnologias de Hidrogénio;

    Desenvolvimento de novos materiais;

    Outros tópicos relacionados com a Sociedade do Hidrogénio.

    A inscrição é gratuita e pode ser submetida até às 17 horas do dia 29 de junho de 2018, através do preenchimento online da seguinte ficha de inscrição aqui

    Informação mais detalhada poderá ser consultada aqui 

  • Julho e setembro | Programa de Estágios de Jovens Estudantes do Ensino Superior nas Empresas

    São mais de 500 as vagas que se encontram por preencher em mais de 80 áreas distintas de formação que vão desde saúde, a tecnologias passando pelo ensino, jornalismo, gestão ou áreas como psicologia, turismo, Sociologia, Engenharia Florestal, entre outros.

    Os estágios realizam-se entre julho e setembro de 2018 e pressupõem a atribuição de subsídio de alimentação e de transporte, assim como um Seguro de acidentes pessoais. Disponíveis em todo o país, cada estudante tem a possibilidade de se candidatar até 2 vagas de estágio, de acordo com as suas preferências.

    As candidaturas, que este ano estão disponíveis para todas as áreas de atividade, podem ser efetuadas através da plataforma  onde, após avaliação dos requisitos das empresas e entidades de acolhimento, a Fundação da Juventude divulga a lista de vagas para estágios, iniciando-se assim as candidaturas para os jovens estudantes.

    O PEJENE, que em 2017 teve uma taxa de empregabilidade de 23%, enquadra-se num dos vetores estratégicos de atuação da Fundação da Juventude - Emprego e Empreendedorismo – e constitui um importante fator de enriquecimento curricular assim como aquisição de experiência e conhecimento em contexto laboral. Este programa tem vindo a responde, desde 1993, às necessidades dos jovens que se encontram a finalizar o ensino superior, permitindo desempenhar tarefas de caráter profissional, e aumentar os seus conhecimentos em ambiente real de trabalho e não esquecendo as tendências mundiais de desenvolvimento económico.

  • Candidaturas até 1 de julho | Prémios Arquivo.pt 2018

    Encontra-se aberta a primeira convocatória do Fundo para a Cooperação Regional EEA/Norway Grants destinado ao financiamento de propostas que abordem desafios transfronteiriços e promovam a cooperação transnacional através da partilha de conhecimento e de boas práticas e capacitação entre os setores prioritários do programa:

    Investigação, inovação, educação e competitividade;

    Inclusão social, Emprego Jovem e redução da pobreza;

    Ambiente, energia, alterações climáticas e economia de baixo carbono;

    Cultura, sociedade civil, governação e direitos fundamentais e liberdade;

    Justiça e Assuntos Internos

    Os países beneficiários da convocatória são Bulgária, Croácia, Chipre, República Checa, Estónia, Grécia, Hungria, Letónia, Lituânia, Malta, Polónia, Portugal, Roménia, Eslováquia e Eslovénia. São igualmente elegíveis entidades da Albânia, Bielorrússia, Bósnia e Herzegovina, Antiga República Jugoslava da Macedónia, Moldávia, Montenegro, Rússia, Sérvia, Turquia ou Ucrânia.

    Os projetos devem incluir entidades de pelo menos três países, dos quais dois países elegíveis do programa. Os consórcios podem ser compostos nas modalidades que se seguem:

    Entidades proponentes: qualquer entidade legal estabelecida num Estado beneficiário EEA/Norway Grants;

    Parceiros elegíveis: qualquer entidade legal estabelecida num Estado beneficiário EEA/Norway Grants e os seguintes países: Albânia, Bielorrússia, Bósnia e Herzegovina, Antiga República Jugoslava da Macedónia, Moldávia, Montenegro, Rússia, Sérvia, Turquia ou Ucrânia;

    Parceiros especializados: qualquer entidade legalmente estabelecida num país doador, num país não elegível do programa ou organizações internacionais.

    Os parceiros podem ser entidades públicas ou privadas, parceiros comerciais e organizações não-governamentais e parceiros académicos. A cooperação tem de ocorrer a dois níveis:

    Cooperação regional transfronteiriça entre países elegíveis com foco nos desafios regionais;

    Cooperação transnacional entre países elegíveis com foco em desafios europeus comuns.

    O Fundo destina-se a complementar financiamento existente, pelo que áreas que não são habitualmente financiadas são valorizadas. O orçamento disponível para esta convocatória é de 15 milhões. Não existem previsões de valor máximo por projeto, contudo os projetos não devem ter valores menores a 1 milhão de euros. O programa implica um cofinanciamento que depende da tipologia de entidade.

    A submissão das candidaturas é realizada a duas fases, em que na primeira fase é submetida um documento síntese e as propostas que passam à segunda fase são chamadas a submeter a candidatura completa.

    As candidaturas decorrem até 1 de julho de 2018.

    Mais informações poderão ser encontradas aqui 

  • 2 a 4 de julho | Ciência 2018

    Ciência 2018 é mais uma edição do encontro anual dos investigadores portugueses.

    Destina-se a promover o debate alargado dos principais temas e desafios da agenda científica para além do universo da investigação. Por isso, este encontro tem como principal objetivo estimular não só a participação como a interação entre investigadores, setor empresarial e público em geral.

    MAIS INFORMAÇÃO AQUI

  • Candidaturas até 7 de julho | Prémio de Cinema Locais de Trabalho Seguros e Saudáveis

    No intuito de desafiar todos os cineastas a criarem documentários que retratem e salientem a importância da segurança e saúde no trabalho, a Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho (EU-OSHA) instituiu o «Prémio de Cinema Locais de trabalho seguros e saudáveis».

    O prémio é atribuído a um documentário ou filme de animação original, criativo e artístico que promova o debate e a discussão entre cidadãos europeus sobre a importância da segurança e da saúde no trabalho. O concurso está aberto a qualquer cidadão europeu com mais de 18 anos e o documentário/filme deverá tratar dos riscos que as pessoas enfrentam no seu local de trabalho (riscos físicos, químicos, mecânicos ou psicossociais). Pode também abordar os direitos dos trabalhadores, a saúde e a segurança no local de trabalho ou os efeitos da evolução política e económica na forma como trabalhamos. Também poderá focar setores que desempenham um papel importante na vida económica, cultural e política na Europa (por exemplo, educação, agricultura, construção, cuidados de saúde); ou grupos confrontados com desafios específicos, como os trabalhadores migrantes, as mulheres, os trabalhadores portadores de deficiência, os jovens trabalhadores e os trabalhadores mais idosos.

    A EU-OSHA produzirá mil cópias do filme vencedor numa seleção de línguas da UE, a distribuir em toda a Europa. Dos mil exemplares de DVD produzidos, duzentos serão reservados ao realizador/titular dos direitos para as suas necessidades de promoção. O vencedor recebe ainda o valor de cinco mil euros.

    Os vencedores da edição de 2017 foram Before the Bridge, de Lewis Wilcox (USA) e Turtle Shells, de Tuna Kaptan (Alemanha). Before the Bridge é um pequeno documentário com a missão de difundir a consciência de como a automatização do trabalho afetará o futuro da humanidade. Este filme relata as rápidas mudanças tecnológicas e sociais que nos afetam a todos e a nossa visão sobre o futuro do trabalho. Turtle Shells é um filme de múltiplas perspetivas, que explora as conexões entre animal, homem e guerra. Pela primeira vez foi atribuída uma menção honrosa que premiou o documentário Alien, um pequeno filme sobre um trabalhador idoso, solitário, que no calor e ruído das velhas almas mecânicas trabalha ora como máquina, ora como maquinista, de Morteza Atabaki (Turquia).

    O prazo para candidaturas termina no dia 7 de julho de 2018.

    MAIS INFORMAÇÃO AQUI

  • 12-13 July 2018 | Biosciences Analysis Tools Iberian Meeting

    MAIS INFORMAÇÃO AQUI

  • Candidaturas até 15 de julho | Prémio APREN 2018

    As candidaturas ao Prémio APREN 2018 já estão abertas!

    A APREN, com o apoio da EDP Produção e EDP Renováveis, promove este ano a 4.ª edição desta iniciativa, que visa divulgar dissertações académicas realizadas em instituições portuguesas de Ensino Superior, relacionadas com a eletricidade de origem renovável.

    Pretende-se assim criar um veículo de comunicação que difunda, de uma forma dinâmica e continuada, os trabalhos de investigação e de desenvolvimento tecnológico no seio dos stakeholders do setor, gerando uma rede de interação que promova a inovação e a criação de valor.

    O Prémio APREN, este ano dedicado a teses de mestrado e de doutoramento, compreenderá uma exposição dos trabalhos selecionados por um júri em formato de póster, que decorrerá paralelamente à nossa Conferência anual de 9 de outubro, na Fundação Oriente em Lisboa.

    Concorrer é agora ainda mais apetecível, dado que, pela primeira vez, vamos dar prémios monetários também às segundas melhores teses de mestrado e doutoramento, além de entradas para todos os eventos que organizarmos em 2019!

    Tens até ao dia 15 de julho para submeter a tua candidatura. Para mais informações, consulta o regulamento do prémio, disponível nesta página.

    Mais informações aqui

  • 15 a 21 de julho | Summer School - Urban Analytics

    MAIS INFORMAÇÃO AQUI

  • Candidaturas até 29 de julho | Fraunhofer Portugal Challenge

    O Fraunhofer Portugal Challenge é um concurso de ideias que pretende distinguir estudantes de universidades portuguesas que tenham desenvolvido teses de Mestrado ou de Doutoramento de excelência, e cuja investigação de utilidade prática se focou nas áreas das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), Multimédia e outras ciências conexas. O desafio é promovido pelo Fraunhofer Portugal AICOS, um centro de investigação da Fraunhofer Portugal que se dedica ao desenvolvimento de soluções de investigação aplicada orientadas ao mercado.

    Os estudantes que pretendam candidatar-se a este prémio devem ter defendido ou submetido para defesa a sua tese nos anos letivos 2016/2017 ou 2017/2018. As candidaturas podem ser efetuadas através do website, onde também se pode encontrar o regulamento do concurso.

  • Candidaturas até 31 de julho | Prémio Fernão Mendes Pinto

    A Associação das Universidades de Língua Portuguesa (AULP) em parceria com o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., e a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), institui o «Prémio Fernão Mendes Pinto 2018», o que poderá ser do interesse uma vez que o IPL é membro titular da AULP.

    Este galardão visa distinguir anualmente uma dissertação de mestrado ou de doutoramento escrita em português, defendida durante o ano civil imediatamente anterior ao da candidatura, e que contribua para a aproximação da CPLP, explicitando relações entre comunidades de, pelo menos, dois países, independentemente da sua área de investigação.

    As propostas deverão ser apresentadas por instituições de ensino superior ou institutos de investigação científica membros da AULP e de países lusófonos. Cada proposta deverá conter o curriculum vitae do autor, uma cópia da dissertação em suporte informático, parecer(s) do(s) orientador(s) da dissertação e uma declaração da instituição em que foi apresentada. Os trabalhos serão agrupados nas seguintes secções: Letras e Artes; Ciências Exatas; Ciências da Saúde e da Vida; Ciências Sociais e Humanas. O premiado verá o seu trabalho publicado e será contemplado com uma distinção no valor de 8.000€.

    As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para aulp@aulp.org até ao dia 31 de julho de 2018.

    O regulamento e as instruções detalhadas estão disponíveis no sítio web da AULP.

  • Voluntariado Jovem Geração Z

    Voluntariado Jovem Geração Z Encontram-se a decorrer as inscrições para jovens voluntários no âmbito do Programa Voluntariado Jovem Geração Z, cujas atividades decorrem até novembro.
    Podem inscrever-se jovens com idade compreendida entre os 16 e os 30 anos (inclusive) e as principais áreas de intervenção são: participação cívica, prevenção de comportamentos agressivos (bullying), desporto, emprego e empreendedorismo e inclusão social, com especial atenção para ações dirigidas a jovens com necessidades educativas especiais.